“O seu mundo muda quando você muda”

“O seu mundo muda quando você muda” é uma frase bastante popular, ela informa sobre o quanto nossa mudança de percepção e atitude podem influenciar e mudar o nosso mundo. Quando mudamos nossa maneira de perceber e agir no mundo nós o influenciamos, logo o modificamos, essas modificações, por sua vez, repercutem em nós: de forma positiva ou negativa. A máxima expressa no título deste texto nos lembra da importância que há em compreendermos como nossas percepções e ações estão impactando o nosso mundo, avaliando assim a necessidade ou importância de fazermos alguns ajustes.

Todavia, neste texto, gostaria de chamar a atenção do leitor para refletir sobre o inverso de tal frase, a qual se expressaria da seguinte forma “Você muda quando o seu mundo muda“. Tal afirmativa, por sua vez, nos comunica que as alterações que ocorrem em nosso mundo também nos afetam, nos influenciam e são capazes de provocar mudanças em nós. Trata-se então de uma via de mão dupla, onde ambas as afirmativas são verdadeiras, pois se por um lado eu posso modificar o mundo a minha volta, eu também sou modificada por ele.

Uma verdade não exclui a outra, por isso considero bastante arriscado nos apegarmos a apenas uma dessas ideias, sendo importante a integração de ambas. Ao considerarmos que as mudanças que almejamos em nossas vidas dependem apenas de nós, cometemos o um equívoco. Porém, quando consideramos que não há nada que possamos fazer para realizarmos essas mesmas mudanças, também cometemos um engano.

É importante considerar que sim, exercermos algum controle sobre o mundo, mas não, não conseguimos de fato exercer controle sobre todas as situações que acontecem ao nosso redor. Há um trecho muito simples, mas muito profundo, de uma oração chamada Oração da Serenidade, que menciona de forma bela essa ambivalência vivenciada pelo ser humano. Por isso, optei em encerrar este texto com ele, diz o seguinte: “Concedei-nos Senhor, serenidade necessária, para aceitar as coisas que não podemos modificar, coragem para modificar aquelas que podemos e sabedoria para distinguirmos umas das outras.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *